in

SIRESP isento de multas

Sou novo por estas bandas do www.opinantes.pt. Tenho a presunção de que nem escrevo mal de todo, e o que o meu olhar “crítico” é frequentemente enviesado por uma máxima que há muitos anos proclamo quanto aos políticos e a todos os que à volta deles proliferam: Todos eles (TODOS, de todas as côres: encarnados, laranjas, verdes, azuis, côr-de-laranja, côr do burro-quando-foge…TODOS) deviam ser enforcados nas tripas uns dos outros, apenas para se poupar corda. Feitas as apresentações, vejamos: Ontem, nas notícias, ouvi uma coisa qualquer parecida com esta: Ao SIRESP tinham sido detectadas falhas nos fogos de Junho e Outubro! Até aqui, novidades, para mim, e para o comum dos mortais, NENHUMA! Estas falhas estavam sujeitas a coimas! Acho bem! Como diz a minha mãe, com a incomensurável sabedoria que lhe trazem os seus 87 anos, em Portugal, só há um tipo de crime (e criminoso) que tem castigo: O automobilista! Excesso de velocidade, cinto de segurança, álcool, telemóvel, cadeirinha dos putos, seguro, inspecção, pneus, piscas, falta de triângulo e/ou de colete…enfim, o que se sabe… É apanhado, paga e não vai a tribunal ou não paga, vai a tribunal,paga com juros e língua de palmo e até pode ser preso por não ter feito o pisca. Banqueiros? Políticos? Golpadas financeiras? Usar o Estado e os seus dinheiros (nossos dinheiros) em proveito próprio, em acções e quantias que nos eriçam até os pêlos dos pés???? Digam-me qual (um só, umzinho basta) que tenha sido julgado, condenado e preso. Fico a aguardar. SENTADO. Voltando ao SIRESP e à multa: Pois muito bem, o SIRESP terá de ser multado pelas ditas-cujas falhas do sistema. Mas as multas ainda não foram aplicadas!!! Porquê??? Resposta do ministro: Porque o Estado vai reforçar a sua participação financeira no SIRESP e por isso não faz sentido estar a multar-se a si próprio! Estes gajos não se enxergam. Eu cá para mim fazia-se assim: Srs. do SIRESP, a multa é de 1 euro. Ou 10. Ou 100. Ou 100.000. Emita-se a multa. E o Estado entrará (ou não entrará) no SIRESP, mas a responsabilidade das coimas é de-antes-da-entrada-do-Estado. E quem manda naquela treta, se não houver dinheiro que chegue para as multas, paga com bens próprios do SIRESP ou de quem nele mandava à data das asneiras! Apenas porque, se eu for caçado em excesso de velocidade, nem que o carro em que eu ia tenha mudado de proprietário 500 vezes depois da infracção, sou o responsável. É assim, não é, Sr. Ministro??? deve saber, até porque por coincidência também é Vexa que superintende as multas aos automobilistas. Cá por mim não se preocupe Vexa. porque se chegar à minha vez de o enforcar, vou escolher uma tripa que não tenha muita merda, para não ficar a cheirar mal no velório! Até pode ser que tenha a sorte de ser uma tripa de um dos seus futuros sócios e acólitos do SIRESP que andaram a controlar os fogos do ano passado. Essas tripas já estiveram no fumeiro meses a fio! Poderão trazer umas ligeiras pingas de sangue das pessoas que morreram devido às tais falhas para as quais não vale a pena passar as multas, mas isso é só um pormenor. Não é?

Também gostaria de publicar o seu artigo de opinião no nosso site? Clique aqui.

Vote nesta opinião

1 ponto
Upvote Downvote

Publicado por Helder Rocha

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

COMENTE ESTA OPINIÃO!

Ao serviço de Sua Majestade

De que falamos quando falamos de amor?

De que falamos quando falamos de amor?