in

O bombeiro dos 267€/mês

Foi notícia neste fim de Semana, Rui Rosinha, bombeiro de Castanheira de Pêra, ficou gravemente ferido num acidente quando acudia aos incêndios de 17 de Junho do ano passado na zona de Pedrógão.  Recebe uma pensão de invalidez de 267 euros mensais, o equivalente a menos de metade (em rigor, 46%) do salário mínimo nacional. Como foi notícia o Congresso da família socialista.  O que tem uma coisa a ver com a outra? Tudo. Só espero que a televisão lhe invada a casa e lhe resolvam a injustiça.

Ontem, ao ligar a televisão quase ouvi o paraíso na terra. O resto do paraíso é nas proximas eleições. Mas está quase. Num golpe, não há corrupção, o PS não esteve no poder, nem nada. E o tapete a (não) funcionar, como lembrou Ana Gomes (bem vinda à SIC notícias. ) Pergunto: os bués de euros que uns ganham à custa dos esquemas da corrupção quantos bombeiros salvariam? A fome dos que têm fome hoje, não se mata com as sopas de amanhã, mas com as sopas de hoje.

Digam o que disserem, o caldo está entornado, e não é de hoje.

Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13). Exortai-vos cada dia uns aos outros, até ao dia que se chama «Hoje» (Hebr 3, 13).

Também gostaria de publicar o seu artigo de opinião no nosso site? Clique aqui.

Vote nesta opinião

0 pontos
Upvote Downvote

Publicado por Fátima Pinheiro

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

COMENTE ESTA OPINIÃO!

Um milhão e meio de razões para não pagar

Mas afinal como se faz um leitor?