in

Ministério Público pede três anos e meio de prisão para estudante que planeou ataque terrorista à Faculdade de Ciências

O Ministério Público pediu pena de três anos e meio e acompanhamento psiquiátrico para o jovem estudante que foi acusado de planear um ataque terrorista na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

João Carreira, de 19 anos, vai responder pelos crimes de terrorismo e detenção de arma proibida.

O jovem ficou em prisão preventiva, tendo a medida de coação sido substituída por internamento preventivo no Hospital Prisional de Caxias.

A leitura do acórdão do julgamento está marcada para 19 de dezembro, no Tribunal Criminal de Lisboa.

Concorda com a pena de três anos e meio?


 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cristiano Ronaldo: “A final do Mundial vai ser Portugal-Brasil. Seria um sonho”

Wayne Rooney sobre Cristiano Ronaldo: “A idade chega a todos”