in

Marcelo Rebelo de Sousa: “O Catar não respeita os direitos humanos mas, enfim, esqueçamos isto”

Marcelo Rebelo de Sousa, presidente da República, assistiu ao jogo de preparação da seleção nacional antes do arranque do Mundial 2022 no Catar.

O presidente da República fez declarações depois da vitória de Portugal sobre a Nigéria, por 4-0,  no Estádio José Alvalade e gerou polémica.

“O Catar não respeita os direitos humanos. Toda a construção dos estádios e tal…, mas, enfim, esqueçamos isto. É criticável, mas concentremo-nos na equipa. Começámos muito bem e terminámos em cheio”, disse.

As declarações geraram criticas. Marcelo Rebelo de Sousa já veio reagir.

“Vinha do fim de um jogo de futebol. Perguntaram-me sobre o futebol e eu é que introduzi a questão dos direitos humanos no Catar. Perante o nervoso que havia para voltar ao futebol, abreviei, mas fui eu que levantei a questão. Pareceu-me que naquele contexto tinha de falar dos direitos humanos”, disse Marcelo Rebelo de Sousa, esta sexta-feira, em declarações aos jornalistas.

“Tratando-se de um jogo de preparação para o Catar, era a primeira ocasião que tinha para falar dos direitos humanos. De qualquer das formas levantei a questão”, acrescentou ainda o presidente da República.

Concorda com as palavras do nosso Presidente?

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Manchester United vai processar Cristiano Ronaldo. Jogador poderá ser banido do clube

Cristiano Ronaldo: “A final do Mundial vai ser Portugal-Brasil. Seria um sonho”