Já sentiste raiva de ti mesma por teres um coração tão bom com quem não merece?

Já sentiste raiva de ti mesma por teres um coração tão bom com quem não merece?

Quantas vezes já te questionaste porque é que continuas a acreditar nas pessoas que na primeira oportunidade, ou na tua queda, te viram as costas? Quantas vezes foste o primeiro a ajudar quem mais precisa e quando és tu ficas sozinho?

Cada vez mais as pessoas não sabem o significado da palavra “companheirismo”. Cada vez mais as pessoas se isolam numa vida artificial. Usam-te como se fosses uma publicação de Instagram, que vá dar mais seguidores e depois bloqueiam-te.

Porque? Porque é que ainda lhes dás valor? Porque é que ainda não conseguiste meter o botão “das pessoas que não valem nada” no OFF?

Não deves deixar que essas pessoas te tornem numa pessoa má. Não guardes contigo os exemplos de egoísmo, vingança e frustração, torna-os em aprendizagens que te levem a ser uma pessoa melhor.

A vida acontece uma vez. E tu tens esta oportunidade e duas hipóteses, ou cancelas estas pessoas más da tua vida ou tornaste uma pessoa mais fortes e acredita que, serás feliz.

Texto enviado por Ana Isabel

Justifica a tua opinião