in

Que futuro está reservado às crianças que mais tempo ocupam na escola?

Que futuro está reservado às crianças que mais tempo ocupam na escola?

Em 2015, o relatório da UNESCO numa comparação entre os países da Organização da Cooperação e Desenvolvimento Económico, indicou que as crianças portuguesas são as que mais tempo permanecem na escola.

Á parte disso conheço uma série de famílias que ainda reservam tempo para que as crianças usufruam de actividades extra-curriculares.

Tudo isto misturado com o stress e as horas que os pais se dedicam aos seus trabalhos e a urgência de manter uma rotina para que o dia seguinte recomece levam-me a questionar:

As crianças terão sequer tempo para serem crianças? 

Têm tempo/disponibilidade/ energia para explorar o mundo através da criatividade? Travam memórias com os seus pais? Ou será o fim-de-semana o momento priviligiado para criarem as memórias importantes e abrirem a caixa da criatividade?

Trago velhas e bonitas memórias da infância dos anos 90. Em que se cozinhavam todo o tipo de bolos feitos de lama, observava-se in loco a metamorfose dos girinos, construíam-se circuitos de btt feitos com tábuas velhas de madeira, ou em dias de chuva rabiscavam-se em folhas que ninguém ia usar, o jogo do stop.

E recordo-me que isto dava para fazer a uma segunda-feira, terça-feira, quarta, quinta ou sexta-feira. De ressalvar que nesses anos, existia igualmente a responsabilidade de fazer os trabalhos de casa e ajudar nas tarefas domésticas.

A diferença é que havia o tempo na escola e não existia a exigência de ocupar o tempo com actividades extra-curriculares, salvo raras excepções.

Num sistema económico onde as pessoas que foram crianças nos anos 70 e 80 andam de cabelos em pé pelo stress da vida, que crianças estamos nós a preparar com tanta disciplina, horário completo e compromisso?

Qual a vossa opinião?

  • Terão as crianças tempo livre suficiente para que consigam ser elas próprias?

ou

  • Estamos no caminho certo e a preparar as crianças para a realidade que se vive atualmente?

Também gostaria de publicar o seu artigo de opinião no nosso site? Clique aqui.

Vote nesta opinião

6 pontos
Upvote Downvote

Publicado por Francisca Gomes

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Loading…

0

COMENTE ESTA OPINIÃO!

Mário Centeno eleito para chefe do Eurogrupo

Mário Centeno eleito para chefe do Eurogrupo

Duas medidas que possam prevenir a violência doméstica. É possível?

Duas medidas que possam prevenir a violência doméstica. É possível?