in

Falhou tudo! Caso do Bebé Rodrigo põe em xeque toda a classe médica portuguesa

O caso de Rodrigo que nasceu sem olhos, sem nariz e sem uma parte do crânio, tomou contornos incompreensíveis. 

Uma mãe foi acompanhada durante a gravidez numa clínica privada. Fez as ecografias e estava tudo bem. 

O bebé nasceu e o mundo desabou para aqueles pais, que até ali esperavam um bebé perfeito, sem malformações que iriam condicionar a sua vida. 

Um caso que se torna difícil de aceitar principalmente depois de se começar a conhecer melhor o médico responsável e a clínica em que trabalhava. 

Este caso abriu o livro de reclamações. Eram já oito as queixas reportadas pela própria Ordem dos Médicos, ao longo do tempo, contra o obstetra. 

A partir daqui ficou tudo em xeque. Toda a classe médica e toda Ordem dos Médicos, a ser muito questionada sobre a falta de resposta às queixas apresentadas.

Falhou o controlo do sistema de saúde. Falhou a justiça. Mas acima de tudo faltou a consciência àquele que não é um profissional de saúde. Não o pode ser. 

Quando o dinheiro pesa mais do que a condição e saúde de uma pessoa, o carácter tem de ser posto em causa. Incompreensível. 

São raros os casos de condenações. Mas aqui o sistema falhou redondamente. Como é que não se investiga um médico ou uma clínica com tantas queixas (e graves) ? 

Como é que o sistema não fiscaliza as clínicas de saúde? Como é que isto passa em branco? 

Impunidade. Corporativismo e deixa andar? 

Já não restam muitas dúvidas. Todos os dias aparecem mais casos.

Pais que esperavam a felicidade, a vida. Estas pessoas nunca irão conseguir superar esta dura partida. Um bebé que lhes foi roubado, o estado de boa saúde que lhes foi tirado.

Casos que marcam a vida destes pais e que são difíceis de entender. Não pode mais voltar a acontecer. 

O triste caso do bebé Rodrigo espera-se que seja um grito de revolta e um grito para que se faça justiça. As desculpas do bastonário não servem. São uma gota de água neste triste mar de lágrimas.

publicidade

Também gostaria de publicar o seu artigo de opinião no nosso site? Clique aqui.

Vote nesta opinião

Publicado por Margarida

Gosto de opinar sobre os mais diversos assuntos da atualidade. Este será o espaço onde darei o meu ponto de vista sobre o comportamento da sociedade.

publicidade

Deixe uma resposta

publicidade

Onde nos leva o desamor da solidão?

A abstenção de uma outra forma