in

Contratos de teletrabalho vão passar a fixar valores de despesas adicionais

Os deputados aprovaram esta terça-feira na especialidade uma proposta de alteração do BE, no âmbito da Agenda do Trabalho Digno, que prevê a fixação do valor das despesas adicionais nos contratos para prestação de teletrabalho.

A proposta hoje aprovada pretende vir a “clarificar” o direito ao pagamento de despesas dos teletrabalhadores, ao estabelecer que “a regra é haver um valor fixo mensal que consta do contrato de trabalho ou da convenção coletiva”, explicou o deputado José Soeiro.

Concorda com o direito ao pagamento de despesas dos teletrabalhadores?

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sobe para quase 700 mil o número de residentes estrangeiros em Portugal